Depoimentos

Para nós, profissionais da ESNBH – Escola Superior de Negócios de BH – é sempre um prazer falar sobre o GDECOM. Sou Coordenadora Acadêmica da ESNBH, trabalho com os Cursos de Direito e Administração na instituição.
Desde o ano de 2009 temos uma parceria com o GDECOM através da qual compartilhamos de um projeto que visa possibilitar experiências de reflexão e prática, acerca da atuação do pedagogo, do administrador e do jurista em espaços de educação não formal voltados ao público de crianças e jovens em situação de vulnerabilidade social ou privação de direitos.

Iniciamos a parceria através do apoio pedagógico e recentemente iniciamos a elaboração do projeto para efetivação do atendimento jurídico e administrativo. Este trabalho tem se tornado possível principalmente pela abertura e disponibilidade da diretoria e de todos que compõem a equipe institucional.Nosso trabalho tem como princípios:

Formação Humana: Vincular a experiência educativa à realidade dos sujeitos e aos seus desafios, e ainda à construção do olhar e da percepção desse sujeito sobre o mundo em que vive.

Identidade e Autonomia: Uma formação para cidadania reconhece cada ciclo de vida, suas peculiaridades e suas necessidades de proteção, socialização, aprendizagem e ainda valoriza a identidade cultural étnica e de gênero. A educação para autonomia implica a formação de sujeitos para aprender a conhecer, fazer, conviver e ser em liberdade.

Na medida em que está sendo possível conviver com as crianças; jovens e idosos e suas identidades aprendemos um pouco mais sobre nós mesmos e sobre uma educação voltada para o exercício da cidadania. Nesta oportunidade passamos a conhecer todo o trabalho comunitário desenvolvido pelo GDECOM. É uma instituição que confiamos e reconhecemos a importância do seu trabalho social.

Geralda Magela Rocha
Mestre em Educação PUCMINAS
Especialista em Psicopedagogia
Coordenadora Acadêmica Escola Superior de Negócios – ESN
Coordenadora de Pós Graduação das Faculdades Del Rey
Pesquisadora da Fapemig

Geralda Magela Rocha

O GDECOM, desde sua fundação, em 1980, vem desenvolvendo, com qualidade e responsabilidade, programas e atividades para crianças, adolescentes, jovens e suas famílias, com a participação efetiva da comunidade, na definição de suas prioridades, planejamento, implementação, controle e monitoramento de todo o processo. O trabalho desenvolvido pela Instituição tem alcançado um público que vive em alto grau de situação de risco social e econômico, possibilitando-lhes oportunidades para grandes transformações e desenvolvimento que visam ao seu emponderamento, acesso aos bens essenciais e a uma vida mais digna e humana.

Recomendo que pessoas, empresas, órgãos púbicos e organizações não governamentais, conheçam o relevante trabalho desenvolvido por esta Instituição e contribuam para a continuidade de suas ações em prol da promoção da melhoria da qualidade de vida de seu público-alvo.

Obedes Barbosa Soares

Pedagogo, com experiência em implantação e gestão de projetos sociais em vários estados brasileiros.

Obedes Barbosa Soares

É sempre uma alegria falar do GDECOM. Sou professor na UFMG, trabalho na Formação de Professores de Educação Física, mais especificamente para atuar na Educação Infantil.

Desde o ano de 1998 temos uma parceria através da qual compartilhamos a educação das crianças e a formação de professores. Este trabalho tem se tornado possível pela qualidade da Proposta Pedagógica, pela abertura e disponibilidade para a realização de uma educação de qualidade, pelo envolvimento das professoras e pelo suporte e reconhecimento das Coordenações, tanto pedagógica quanto administrativa.

Ao participar do cotidiano da Creche Patati Patatá, passei também a conhecer todo o trabalho comunitário desenvolvido pelo GDECOM, com os jovens, e com as famílias como um todo. Formação Profissional, Experiências Artísticas, Saúde Dentária, Inclusão Digital e, sobretudo, acolhimento às famílias são apenas exemplos do trabalho que acompanho e admiro. É uma instituição que confio e reconheço a importância do seu trabalho social.

José Alfredo Oliveira Debortoli
Professor na Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional da UFMG.

José Alfredo Oliveira Debortoli